Research Grant (ISPUP/EEA/000200DT1/2015) (C)

Encontra-se a decorrer concurso para atribuição de uma Bolsa de Investigação (BI) – Grau Mestre, no Instituto de Saúde Pública da Universidade do Porto, no âmbito do projeto “Rede Rastreio Comunitária”, financiado pelo Programa Iniciativas de Saúde Pública, EEAGrants (PT06)  (Refª ISPUP/EEA/000200DT1/2015 – C)


Encontra-se a decorrer concurso para atribuição de uma Bolsa de Investigação (BI) – Grau Mestre, no Instituto de Saúde Pública da Universidade do Porto, no âmbito do projeto “Rede Rastreio Comunitária”, financiado pelo Programa Iniciativas de Saúde Pública, EEAGrants (PT06)  (Refª ISPUP/EEA/000200DT1/2015 – C)

Área Científica Genérica: Saúde Pública

Área Científica Específica: Doenças Infeciosas

Requisitos de admissão: Podem candidatar-se a esta bolsa candidatos com mestrado em Saúde Pública ou áreas científicas afins.

 Serão fatores de preferência:

  1. Experiência em projetos de investigação ou de trabalho com populações mais afetadas pela infeção pelo Vírus da Imunodeficiência Humana (VIH), Hepatites Víricas e outras Infeções Sexualmente Transmissíveis (ISTs);
  2. Experiência na análise de dados quantitativos e conhecimento dos programas estatísticos SPSS, STATA ou R;
  3. Publicações científicas na área em estudo (artigos científicos, comunicações orais, posters);
  4. Fluência na língua inglesa falada e escrita.

Plano de trabalhos: O bolseiro será responsável por acompanhar a implementação de uma coorte de utentes das organizações de base comunitária que irão constituir a rede de rastreio comunitária para o VIH, Hepatites Víricas e outras ISTs.

O plano de trabalho consiste na coordenação e realização das atividades de implementação e seguimento da coorte, nomeadamente, apoio à construção dos instrumentos de recolha dos dados, gestão e análise dos dados, produção de relatórios de indicadores de atividade para cada uma das organizações, relatório final de projeto e manuscritos científicos.

Legislação e regulamentação aplicável: Lei n.º 40/2004, de 18 de agosto do Estatuto do Bolseiro de Investigação Científica, republicada em anexo ao Decreto-Lei n.º 202/2012, de 27 de agosto (http://www.fct.mctes.pt/pt/apoios/bolsas/estatutodobolseiro) e Regulamento de Bolsas de Investigação da Fundação para a Ciência e a Tecnologia, I.P. – 2015 (https://www.fct.pt/apoios/bolsas/regulamentos.phtml.pt).

Local de trabalho: O trabalho será desenvolvido no Instituto de Saúde Pública da Universidade do Porto com deslocações dentro do país, sob a orientação científica do Professor Doutor Henrique Barros.

Duração da bolsa: A bolsa terá duração até 30 de abril de 2016, com início previsto em Novembro de 2015.

Valor do subsídio de manutenção mensal: O montante da bolsa corresponde a € 980, conforme tabela de valores das bolsas atribuídas diretamente pela FCT, I.P. no País (http://alfa.fct.mctes.pt/apoios/bolsas/valores).

Métodos de seleção: Os métodos de seleção a utilizar serão os seguintes: avaliação curricular (10 valores) e entrevista (10 valores), com a valorização final de 20 valores. Serão realizadas entrevistas a um máximo de 3 candidatos.

Composição do Júri de Seleção:

Presidente de júri: Doutora Raquel Lucas

Vogal efetivo: Doutora Sofia Correia     

Vogal efetivo: Doutora Sílvia Fraga        

Vogal suplente: Doutora Ana Cristina Santos    

Vogal suplente: Doutor Henrique Barros

Forma de publicitação/notificação dos resultados: Toda a informação relevante será publicada no site do Instituto de Saúde Pública da Universidade do Porto (http://www.ispup.up.pt).

Prazo de candidatura e forma de apresentação das candidaturas: O concurso encontra-se aberto de 23 de setembro a 06 de outubro de 2015.

As candidaturas deverão ser apresentadas com a referência (ISPUP/EEA/00200DT1/2015 - C) com a seguinte documentação: a) Carta de motivação onde deve constar a adequação das competências do candidato à posição exigida; b) Cópia do documento de identificação, título de residência, certificado de residência permanente ou estatuto de residente de longa duração, se aplicável; c) Documentos comprovativos de que o candidato reúne as condições exigíveis para o tipo de bolsa a que concorre, nomeadamente o certificado de habilitações, com média final; d) Curriculum Vitae detalhado; e) Documento atualizado comprovativo da situação profissional, com indicação da natureza do vínculo e funções, podendo substituí-lo por declaração sob compromisso de honra caso não exista qualquer atividade profissional ou de prestação de serviços; f) Outros documentos considerados pelo candidato como relevantes para a candidatura, designadamente carta de recomendação (opcional).

Entrega das candidaturas:

Apenas serão consideradas as candidaturas enviadas por email ou entregues presencialmente.

Instituto de Saúde Pública da Universidade do Porto

Rua das Taipas, 135 | 4050-600 Porto

Telef: 222 061 820; e-mail: secretaria@ispup.up.pt

Results List:

ATA DA TERCEIRA REUNIÃO DA COMISSÃO DE SELEÇÃO PARA A ATRIBUIÇÃO DE UMA BOLSA DE INVESTIGAÇÃO (BI), NO ÂMBITO DAS ATIVIDADES DO PROJETO “REDE DE RASTREIO COMUNITÁRIA”, FINANCIADO PELO PROGRAMA INICIATIVAS DE SAÚDE PÚBLICA, EEAGRANTS (PT06) (Refª – ISPUP/EEA/000200DT1/2015) (C)

 

 

Aos 13 dias do mês de outubro do ano de dois mil e quinze, pelas 16 horas, reuniu na sala 302 do Instituto de Saúde Pública da Universidade do Porto, a comissão de seleção do concurso aberto em edital publicado e divulgado pelas páginas Web do Instituto de Saúde Pública da Universidade do Porto e da Fundação para a Ciência e a Tecnologia, para a seleção de um bolseiro de investigação, a contratar no âmbito das atividades do Projeto “Rede de Rastreio Comunitária”, financiado pelo Programa Iniciativas de saúde Pública, EEA Grants (PT06) (Refª ISPUP/EEA/000200DT1/2015) (C), presidida pela Doutora Raquel Lucas, tendo como 1.º Vogal efetivo a Doutora Sofia Correia, e 2.º Vogal efetivo a Doutora Sílvia Fraga, a fim de proceder à realização das entrevistas de seleção e à seriação final dos candidatos, nos termos do aviso de abertura do concurso.

 

Após a entrevista, a comissão de seleção atribuiu a seguinte cotação (numa escala de 0 a 10), resultante da avaliação individual expressa nas fichas anexas à presente ata:

 

Nome

Classificação entrevista (0-10)

Ana Isabel da Costa Freitas

7,3

Joana Daniela Ferreira Cima

8,8

João Filipe Rocha Terrível

5,7

 

 

De acordo com a primeira ata, a classificação final (CF) obedece à fórmula seguinte: CF = [AC (Avaliação Curricular) + E (Entrevista)]. Daqui resulta a seguinte classificação final (numa escala de 0 a 20):

 

POSIÇÃO FINAL

NOME

AC

(0-10)

E

(0-10)

CF

(0-20)

1

Joana Daniela Ferreira Cima

8,0

8,8

16,8

2

Ana Isabel da Costa Freitas

6,5

7,3

13,8

3

João Filipe Rocha Terrível

6,8

5,7

12,5

 

 

E, nada mais havendo a tratar, deu-se por encerrada a reunião, da qual se lavrou a presente ata que, para sua inteira fé e validade, vai ser assinada por todos os membros da Comissão.

Calendar

Weekly Publication

A Comparative Analysis of the Status Anxiety Hypothesis of Socio-economic Inequalities in Health Based on 18,349 individuals in Four Countries and Five Cohort Studies
Scientific Reports
Read More