Research Grant (2) NORTE-01-0145-FEDER-000003 DOCnet - Final Results

Cargo/posição/bolsa: 
2 Bolsas de Investigação 

 

Referência: 

NORTE-01-0145-FEDER-000003 - Diabetes & obesity at the crossroads between Oncological and Cardiovascular diseases – a system analysis NETwork towards precision medicine (DOCnet).


Referência: 

NORTE-01-0145-FEDER-000003 - Diabetes & obesity at the crossroads between Oncological and Cardiovascular diseases – a system analysis NETwork towards precision medicine (DOCnet).



Área científica genérica: Saúde Pública /Epidemiologia

Requisitos de admissão: Podem candidatar-se a esta bolsa indivíduos com:

Requisitos de admissão

  • Mestrado numa área da em Saúde Pública, Epidemiologia ou outra área relacionada das ciências da saúde.
  • Formação, com avaliação, em saúde pública/epidemiologia de pelo menos 60 ECTS ou experiência de pelo menos um ano em investigação epidemiológica, nomeadamente na investigação de outcomes, incluindo trabalho de campo com recolha de dados de processos clínicos hospitalares, entrevista a participantes, informatização e gestão de base de dados.
  • Fluência em Inglês, comprovada por diploma ou publicações científicas ou comunicações orais como primeiro autor

 

Valorizados

  • Conhecimentos de análise estatística.

 

Plano de trabalhos: O bolseiro será responsável por processo de recolha de informação nos estudos de coorte populacionais da responsabilidade do ISPUP e também na população hospitalar, análise de dados e produção de manuscritos científicos.

 

Legislação e regulamentação aplicável: Lei n.º 40/2004, de 18 de agosto do Estatuto do Bolseiro de Investigação Científica, republicada em anexo ao Decreto-Lei n.º 202/2012, de 27 de agosto (http://www.fct.mctes.pt/pt/apoios/bolsas/estatutodobolseiro) e Regulamento de Bolsas de Investigação da Fundação para a Ciência e a Tecnologia, I.P. – 2015 (https://www.fct.pt/apoios/bolsas/regulamentos.phtml.pt).

 

Local de trabalho: O trabalho será desenvolvido no Instituto de Saúde Pública da Universidade do Porto, sob a orientação científica da Doutora Ana Cristina Santos.

 

Duração da bolsa: A bolsa terá a duração inicial de doze meses, com início previsto em Outubro de 2016, eventualmente renovável.

 

Valor do subsídio de manutenção mensal: O montante da bolsa corresponde a € 980, conforme tabela de valores das bolsas atribuídas diretamente pela FCT, I.P. no País (http://www.fct.pt/apoios/bolsas/valores).

 

 

Métodos de seleção: A seleção será feita com base na avaliação curricular (10 valores) e entrevista (10 valores), com a valorização final de 20 valores. Serão realizadas entrevistas a um máximo de 5 candidatos.

 

Composição do Júri de Seleção:

Presidente do júri: Doutora Ana Cristina Santos

Vogal efetivo: Doutora Carla Lopes

Vogal efetivo: Doutora Ana Azevedo

Vogal suplente: Doutora Elisabete Ramos

Vogal suplente: Doutora Sílvia Fraga

 

 

Forma de publicitação/notificação dos resultados: Toda a informação relevante será publicada no site do Instituto de Saúde Pública da Universidade do Porto (http://www.ispup.up.pt).

 

Prazo de candidatura e forma de apresentação das candidaturas:

 

O concurso encontra-se aberto no período de 4 de Agosto a 2 de Setembro de 2016.

 

As candidaturas devem ser formalizadas através do envio de carta de candidatura acompanhada dos seguintes documentos: Curriculum Vitae resumido e certificado de habilitações contendo a classificação final para a obtenção do grau. As candidaturas podem ser entregues pessoalmente ou enviadas por e-mail com o assunto “Bolsa de Investigação – DOCNet

 

 

Entrega das candidaturas:

Instituto de Saúde Pública da Universidade do Porto

Rua das Taipas, 135 | 4050-600 Porto

Telef: 222 061 820; e-mail: secretaria@ispup.up.pt

 

Results List:

ATA DA PRIMEIRA REUNIÃO DA COMISSÃO DE SELEÇÃO PARA A ATRIBUIÇÃO DE DUAS BOLSAS DE MESTRE, No âmbito das atividades do Projeto NORTE-01-0145-FEDER-000003 - DIABETES & OBESITY AT THE CROSSROADS BETWEEN ONCOLOGICAL AND CARDIOVASCULAR DISEASES – A SYSTEM ANALYSIS NETWORK TOWARDS PRECISION MEDICINE (DOCNET).

 

Ao segundo dia do mês de agosto do ano dois mil e dezasseis, pelas quinze horas, reuniu no Instituto de Saúde Pública da Universidade do Porto (ISPUP) a Comissão de Seleção do Concurso em epígrafe, aberto por aviso publicado nas páginas web do Instituto de Saúde Pública da Universidade do Porto, da Faculdade de Medicina da Universidade do Porto e no Eracareers, em 28 de maio de 2012, presidido pela Doutora Ana Cristina Correia dos Santos, Professora Auxiliar da Faculdade de Medicina da Universidade do Porto, tendo como 1º. Vogal efetivo a Doutora Carla Lopes, Professora Associada da Faculdade de Medicina da Universidade do Porto, e 2º. Vogal efetivo a Doutora Ana Azevedo, Professora Auxiliar da Faculdade de Medicina da Universidade Porto, a fim de definir os factores e critérios de apreciação relativos aos métodos de selecção previstos no aviso de abertura do concurso.

No que respeita à classificação final (“CF”) dos candidatos, a Comissão acordou ponderar os seguintes fatores obedecendo à fórmula seguinte: CF = (AC + E): 2, sendo “AC” a avaliação curricular, e “E” a entrevista. A Comissão acordou ainda que a classificação final mínima para atribuição da bolsa será 9,5 pontos.

No que respeita à avaliação curricular (“AC”), a Comissão acordou em eleger como factores de ponderação a formação académica (“FA”) e a experiência profissional (“EP”), adiante também designadas pelas referidas iniciais e de harmonia com a seguinte fórmula: AC = (FA + EP).

 

Em relação a cada um dos factores considerados, o júri deliberou que:

- Em “FA” serão atribuídos serão atribuídos 5 valores dos quais 1 valor atribuído a candidatos com classificação média de licenciatura ou mestrado integrado igual ou superior a 16 valores; 1 valor a candidatos com Mestrado fora das áreas de Saúde Pública, Epidemiologia ou outra área relacionada das ciências da saúde, 2 valores a candidatos com Mestrado, numa área da Saúde Pública, Epidemiologia ou outra área relacionada das ciências da saúde, ou 3 valores se o Mestrado, numa área da Saúde Pública, Epidemiologia ou outra área relacionada das ciências da saúde, for concluído com classificação final igual ou superior a 17 valores; 1 valor a indivíduos com formação, com avaliação, em saúde pública/epidemiologia de pelo menos 60 ECTS.

 

- Em “EP” serão atribuídos 15 valores dos quais 2 atribuídos a indivíduos com experiência em trabalho de investigação de pelo menos um ano, nomeadamente em investigação epidemiológica, nomeadamente na investigação de outcomes ou Doutoramento; 2 atribuídos por publicações, como primeiro autor, em língua inglesa, em revistas cientificas com revisão por pares; 2 atribuídos pela experiência na coordenação de trabalho de campo epidemiológico, nomeadamente trabalho de campo com recolha de dados de processos clínicos hospitalares e entrevista a participantes; 2 valores adicionais caso se trate de estudos sobre obesidade, cancro ou diabetes, ou se o candidato tiver experiência profissional envolvendo coortes de nascimentos; 2 valores atribuídos a candidatos com experiência na informatização, gestão e correção de base de dados; 2 valores a candidatos com comprovada fluência em Inglês, comprovada por diploma, ou publicações científicas ou comunicações orais como primeiro autor, em língua inglesa; 2 valores atribuídos pela experiência na produção de material de divulgação dos resultados da investigação científica à população em geral (divulgação periódica aos participantes, página da internet, notas de imprensa); 1 valor a candidatos com conhecimentos de análise estatística.

 

No que respeita à entrevista (“E”) a Comissão deliberou que a classificação a atribuir resultará da média aritmética simples das classificações atribuídas por cada membro do júri, tendo em conta as qualidades e aptidões reveladas pelos candidatos no decurso da entrevista, por comparação com o perfil julgado às funções de investigação no Instituto de Saúde Pública da Universidade do Porto, aferidas pelos seguintes fatores de ponderação: atitude profissional, qualidades intelectuais, contato e comunicação, e conhecimentos profissionais. Cada um destes quatro fatores será pontuado com 5 (cinco), 4 (quatro), 3 (três), 2 (dois) ou 1 (um) valores, conforme na apreciação feita durante a entrevista o júri considere o perfil do candidato “muito favorável”, “bastante favorável”, “favorável”, “favorável com reservas” ou “não favorável”, respectivamente.

 

 

ACTA DA SEGUNDA REUNIÃO DA COMISSÃO DE SELECÇÃO PARA A ATRIBUIÇÃO DE DUAS BOLSAS DE MESTRE, No âmbito das atividades do Projeto NORTE-01-0145-FEDER-000003 - DIABETES & OBESITY AT THE CROSSROADS BETWEEN ONCOLOGICAL AND CARDIOVASCULAR DISEASES – A SYSTEM ANALYSIS NETWORK TOWARDS PRECISION MEDICINE (DOCNET).

 

 

Aos seis dias do mês de Outubro do ano dois mil e dezasseis, pelas dez horas, reuniu no Instituto de Saúde Pública da Universidade do Porto, a Comissão de Selecção do Concurso em epígrafe, aberto por aviso publicado nas páginas Web do ISPUP e da Faculdade de Medicina da Universidade do Porto e no portal ERACareers em 3 de Agosto de 2016, presidido pela Doutora Ana Cristina Correia dos Santos, tendo como 1º. Vogal efectivo a Doutora Carla Maria de Moura Lopes, e 2º. Vogal efectivo a Doutora Ana Azevedo Cardoso de Oliveira, a fim de definir os factores e critérios de apreciação relativos aos métodos de selecção previstos no aviso de abertura do concurso.

Assim, a Comissão de selecção, após a avaliação curricular, de acordo com critérios previamente definidos, decidiu não admitir a concurso o seguinte candidato, por não cumprir os requisitos mínimos que constavam no edital de abertura do concurso, a saber:

 

Arlindo Morais Ferrada

 

A Comissão decidiu admitir a entrevista os seguintes candidatos, em conformidade com respetiva classificação (apresentada em detalhe no anexo 1) e com o edital de abertura do concurso, a saber:

 

Ana Isabel Freitas

Jéssica Sousa Lopes

Maria João da Costa Novais

Maria João Rodrigues Carvalho Pena

Patrícia das Neves Borges

 

 

 

As entrevistas foram marcadas, para os cinco candidatos, para o dia vinte e um de Novembro de dois mil e dezasseis, das 14:30 às 17:00 horas.

 

ATA DA TERCEIRA REUNIÃO DA COMISSÃO DE SELEÇÃO PARA A ATRIBUIÇÃO DE DUAS BOLSAS DE MESTRE, No âmbito das atividades do Projeto NORTE-01-0145-FEDER-000003 - DIABETES & OBESITY AT THE CROSSROADS BETWEEN ONCOLOGICAL AND CARDIOVASCULAR DISEASES – A SYSTEM ANALYSIS NETWORK TOWARDS PRECISION MEDICINE (DOCNET).

 

No dia 21 de novembro de 2016, reuniu a comissão de selecção do concurso acima descrito (Profª. Doutora Ana Cristina Santos, Profª Doutora Carla Lopes, Profª Doutora Ana Azevedo) a fim de proceder à entrevista de selecção nos termos previstos no edital do concurso e de acordo com a acta da primeira reunião.

Após a entrevista, a Comissão de Selecção atribuiu a seguinte cotação (numa escala de 0 a 10), resultante da avaliação individual expressa nas fichas anexas à presente acta:

Nome

Classificação

Ana Isabel Freitas

7,75

Jéssica Sousa Lopes

4,25

Patrícia das Neves Borges

Faltou

Maria João da Costa Novais

6,33

Maria João Pena

8,75

 

De acordo com a primeira acta, a classificação final (CF) obedece à fórmula seguinte: CF =(AC + E), sendo “AC” a avaliação curricular, e “E” a entrevista”. Daqui resulta a seguinte classificação final (numa escala de 0 a 20):

 POSIÇÃO FINAL

NOME

AC

(0-10)

E

(0-10)

CF

(0-20)

1

Maria João Pena

5,5

8,75

14,25

2

Ana Isabel Freitas

5,0

7,75

12,75

3

Maria João da Costa Novais

4,0

6,33

10,33

4

Jéssica Sousa Lopes

3,5

4,25

7,75

5

Patrícia das Neves Borges

3,5

0

3,5

 

ADENDA

  À

ATA DA TERCEIRA REUNIÃO DA COMISSÃO DE SELEÇÃO PARA A ATRIBUIÇÃO DE DUAS BOLSAS DE MESTRE, NO ÂMBITO DAS ATIVIDADES DO PROJETO NORTE-01-0145-FEDER-000003 - DIABETES & OBESITY AT THE CROSSROADS BETWEEN ONCOLOGICAL AND CARDIOVASCULAR DISEASES – A SYSTEM ANALYSIS NETWORK TOWARDS PRECISION MEDICINE (DOCNET).

 

Aos seis dias do mês de dezembro de dois mil e dezasseis reuniu na sala 302 do Instituto de Saúde Pública da Universidade do Porto, a comissão de seleção, presidida pela Doutora Ana Cristina Santos, tendo como 1º. Vogal efetivo a Doutora Carla Lopes e 2º Vogal efetivo a Doutora Ana Azevedo, do concurso aberto em edital no âmbito do PROJECTO DOCNET. Após comunicação escrita da primeira classificada Maria João Pena, informando a sua desistência da atribuição desta bolsa, o Júri deliberou atribuir a posição ao candidato classificado em 3º lugar – Maria João da Costa Novais, por considerar que reúne todas as condições necessárias à atribuição da bolsa.

 

Calendar

Weekly Publication

Association of Gestational Weight Gain With Adverse Maternal and Infant Outcomes.
JAMA
Read More