EUSAT-RCS: European-Latin American TB Research Collaboration Network

Henrique Barros

Investigador responsável

Investigador Doutorado Integrado

Referência:

EUSAT-RCS - 823890

Instituições participantes:

- Stichting Katholieke Universiteit (Netherlands); - Academisch Ziekenhuis Groningen (Netherlands); - Fundacio Hospital Universitari Vall d'Hebron - Institut de Recerca (Spain); - Universidade do Porto (Portugal); - Enose B.V.(Netherlands); - Instituto Nacional de Enfermedades Respiratorias y del Ambiente – Ineram (Paraguay); - Universidad Nacional de Asuncion (Paraguay); - Task Foundation NPC (South Africa)

Fontes de financiamento:

H2020

Data de início:

01/04/2019

Data (prevista) de conclusão:

31/03/2023

Linha de investigação:

L2 - Sindemias, desigualdades em saúde e populações vulneráveis

Laboratório de investigação:

Epidemiologia da infeção por micobactérias, VIH e outras infeções sexualmente transmissíveis

Resumo:

Em 2016, a Assembleia Mundial da Saúde lançou a ‘Estratégia para Acabar com a TB’ da OMS; um projeto ambicioso para reduzir a incidência de TB em 90% antes de 2035 e progredir para 1 caso de TB por milhão de habitantes em 2050 em todo o mundo. Trajetos eficazes para a eliminação da TB são, entre outros, esquemas de tratamento otimizados para encurtar a duração do tratamento e métodos de diagnóstico mais eficientes. Infelizmente, os avanços são muito lentos devido à falta de financiamento e capacidade de investigação clínica para conduzir ensaios. A comunidade de investigação de TB precisa ser criativa e inovadora para construir e fortalecer a capacidade existente, bem como expandir as redes de testes clínicos para realizar testes de medicamentos e diagnósticos mais eficazes em termos de custo e tempo.

Com esta proposta da RISE, pretendemos fortalecer a Rede de Colaboração em investigação em TB entre a Europa e a América Latina (EUSATRCS), oferecer competências para os profissionais de TB paraguaios e europeus e construir um centro clínico de TB na América Latina.

Um grupo de ESRs, ERs, TECH e outros profissionais reúnem-se para realizar investigações clínicas abrangendo epidemiologia de TB em populações para GWAS e a validação de um dispositivo eNose inovador para valor diagnóstico num ponto de atendimento.

Equipa de investigação