Hamida Nkata

Hamida Nkata

Colaborador

Hamida Hemedi Nkata nasceu em 1978 em Sikonge, Tabora-Tanzânia. É enfermeira especialista em saúde pública, formou -se em enfermagem na Escola de Enfermagem de Nkinga em 2000, seguido por Diploma Avançado em educação de enfermagem na Universidade Muhimbili de Saúde e Ciências Aliadas da Saúde em 2008 – Tanzânia.

Também em 2011, obteve a licenciatura em Ciências de Enfermagem na Jonkoping University-Suécia. A sua tese debruçou-se sobre as percepções dos homens em relação ao acompanhamento da suas companheiras à clínica pré-natal. Em 2014, obteve o mestrado em saúde pública na Universidade de Umea-Suécia e sua tese de mestrado focou-se nas percepções dos pais em relação ao aborto induzido entre estudantes do sexo feminino com idades entre 14-19 anos no distrito de Igunga, Tabora – Tanzânia.

Foi estudante de doutoramento na primeira edição do programa de Saúde Pública Global (2014/2018), com a tese intitulada “Perceções públicas sobre abortos induzidos inseguros entre adolescentes do ensino médio na Tanzânia”. Foi beneficiária de bolsa da Fundação para a Ciência e Tecnologia (FCT) com a Ref: PD / BD / 105826/2014.

ORCID: 0000-0002-2998-4854

Artigos

2021
Nkata H , Marques SCS , Nyamhanga T , Barros H

Porto Biomedical Journal, 2021 Sep-Oct; 6(5): e141. Published online 2021 Oct 11. doi: 10.1097/j.pbj.0000000000000141

2019

Public Health Rev, (2019) 40:4 https://doi.org/10.1186/s40985-019-0114-2

Livros

Capítulos de Livros

Editoriais/Cartas ao editor

Relatórios